fbpx

Dicas para receber em casa com segurança em tempos de pandemia

segurança e fim de ano

O número de pessoas em volta da mesa precisa diminuir neste ano, mas, com alguns cuidados, ainda é possível reunir uma parte da família para celebrar o Natal e o ano novo.

Em pesquisa realizada pela Alelo, 34% das pessoas devem receber a família e amigos para as festas de fim de ano. Sem vacina e com os números de novos casos voltando a subir, as comemorações precisam ser reduzidas, mas, com alguns cuidados, é possível reunir a família e diminuir os riscos de contaminação.

 

Natal é sinônimo de reunir os amigos e a família, porém, neste ano atípico, o distanciamento social foi a regra para todo mundo. Os especialistas ainda não recomendam viagens e grandes festas, mas dá para comemorar o Natal e reunir a família, tomando cuidados para evitar a contaminação. Selecionamos aqui quatro dicas para ajudar a fazer sua comemoração em segurança.

 

Como calcular o número de pessoas?

Quantas cadeiras você tem? Neste ano não dá para aumentar o número de pessoas à mesa, com banquinhos e outros assentos, especialmente durante a refeição, quando as pessoas estarão sem as máscaras e o risco é maior. Então, calcule o número de pessoas da casa e veja quantos lugares ainda estão disponíveis. Esse será o seu limite de convidados.

Se você tem uma mesa extra na varanda, a dica é reunir lá as crianças e adolescentes, mas, também com eles, é preciso cuidado. Os casos de coronavírus estão crescendo entre eles, assim, a regra continua sendo o total de cadeiras disponíveis.

 

Cuidados com a entrada

Muitas casas receberam um kit de higiene na entrada durante este ano. Esse espaço de “descontaminação” é fundamental para receber os convidados nas festas de fim de ano. É preciso reservar um lugar para bolsas e outros pertences de seus convidados nesse espaço. Um aparador ou uma mesinha podem conter os itens indispensáveis para as boas-vindas nesse momento.

  • Álcool em gel: é melhor usar assim que entrar e depois de guardar as bolsas e outros itens. Seja um anfitrião generoso e reserve um frasco grande.
  • Propé: é uma sapatilha descartável para ser usada por cima dos sapatos. É a melhor solução para ninguém ter que ficar descalço. Deixe uma caixinha com propés descartáveis no aparador. Se tiver espaço para um banco ou poltrona é ainda melhor, especialmente para os idosos.
  • Cesto de lixo: fundamental para jogar fora os propés, luvas, máscaras usadas e outros itens na hora de ir embora. A segurança aumenta se o cesto tiver pedal para abrir a tampa.
  • Máscaras descartáveis: é melhor estar prevenido e ter um estoque extra de máscaras descartáveis. Podem ser úteis caso alguém se esqueça de levar outra máscara para trocar após duas horas de uso.

Antes de sentar à mesa

Você caprichou no cardápio e na louça, porém, para a ceia ser perfeita é preciso lembrar todos de lavar as mãos antes de se sentar. Distribua toalhas descartáveis para secar as mãos. É fácil encontrar nas lojas de embalagens, em algumas farmácias e supermercados e até on-line.

Outra dica é deixar um saquinho na mesa para que as pessoas coloquem as máscaras antes de começar a comer.

 

A hora dos presentes

Não tem como negar que a hora de abrir os presentes é um dos momentos mais esperados da noite, ainda mais para as crianças.

A dica é reservar um lugar para colocar todos os pacotes juntos, com nomes, até a hora de abrir, assim, cada um pega somente o seu presente, evitando manusear os demais embrulhos. Não é preciso usar luvas a noite toda, mas o ideal é usá-las para abrir os presentes. Providencie um cestinho de lixo para as embalagens e as luvas usadas e lembre-se: nada de abraços, beijos e apertos de mão. Cada um deve agradecer o presente oralmente, fazendo gestos ou aumentando o brilho de sorriso no olhar.

A última dica é talvez a mais chata para muita gente: é melhor não esticar demais o encontro. Quanto mais relaxadas, menos cuidadosas as pessoas ficam, principalmente se há bebidas alcoólicas na comemoração. O ideal é que, depois de abrir os presentes ou da sobremesa, o dono da casa agradeça a presença de todos e encerre a comemoração. Com esses cuidados é possível ter apenas recordações felizes para guardar.

 

Leia também

Fique em casa e fique bem: dicas para manter a saúde física e mental durante a quarentena

Protocolo de covid-19: Hospital Presidente se antecipa para salvar vidas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *